Chuvas intensas deixam Deodápolis, Novo Horizonte do Sul e mais 10 cidades de MS em situação de emergência

02 Janeiro 2018
(0 votos)
Autor 

Alagamentos, destruição de estradas, bueiros, pontes de madeiras, enchentes e aumento do nível de alguns rios levaram 12 municípios sul-mato-grossenses a decretarem situação de emergência, em virtude das chuvas que atingem o Estado desde o final do ano passado.

De acordo com o Cedec (Coordenação Estadual da Defesa Civil), quase 12 mil pessoas foram afetadas, de alguma maneira, pelas chuvas de alguma maneira. Em Porto Murtinho, o alagamento de um bairro obrigou pelo menos 600 moradores a deixarem suas casas no fim de 2017.

Decretaram situação de emergência, além de Porto Murtinho, os municípios de Coronel Sapucaia, Deodápolis, Batayporã, Novo Horizonte do Sul, Itaquiraí, Japorã, Eldorado, Rio Verde, Miranda, Bataguassu, Porto Murtinho e Sete Quedas.

O governo afirmou que todos estes municípios estão recebendo apoio operacional do Estado, e revelou que dedica atenção maior à região de Sete Quedas e Tacuru, que decretou situação de emergência no último dia 21 de dezembro.

21 de dezembro.

Em Miranda, o nível do Rio que leva o nome da cidade chegou a 7,4 metros na manhã desta terça-feira, após chover o acumulado de 79 milímetros em quatro dias. O Imasul (Instituto de Meio Ambiente de Mato Grosso do Sul) emitiu alerta para o alto nível podendo causar alagamentos e desabrigar famílias. Cerca de 30 famílias já foram afetadas pela enchente.

Fonte: Midiamax

1837 : Visualizações
Redação

Salvar

Template Settings

Theme Colors

Blue Red Green Oranges Pink

Layout

Wide Boxed Framed Rounded
Patterns for Layour: Boxed, Framed, Rounded
Top