Ministro da Saúde questiona ONG de Dourados que recebeu R$ 450 milhões em 2018

05 Fevereiro 2019
(0 votos)
Autor 
Foto: Divulgação

Durante reunião com integrantes do Conselho Nacional de Saúde (CNS) realizada na última quinta-feira (31) o ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, questionou o repasse anual de R$ 450 milhões à ONG Missão Evangélica Caiua, de Dourados (MS). Vários assuntos estiveram em pauta, especialmente a saúde dos povos indígenas.

Mandetta afirmou que o Governo Federal direciona R$ 1,4 bilhão todos os anos para a saúde indígena. Desse valor R$ 690 milhões são direcionados para ONG’s na qual a organização de Dourados recebe mais da metade.

O ministro frisou a aldeia de Dourados é a que tem maior índice de suicídio e de desnutrição. "Dourados é a sede da ONG que leva mais recursos e eu não posso questionar? E eu tenho que falar, deixa assim porque eu não quero retrocesso? Que retrocesso? Alguém me explica? Se alguém não me convencer, eu vou falar e vou provocar, sim!", reforçou Mandetta.

Mandetta disse que as informações reveladas ainda são superficiais e que um diagnóstico da real situação está sendo feito. O ministro salientou que dentro do ministério "não tem assunto proibido". "Tudo o que existe pode ser questionado", afirmou. O ministro encoraja os representantes do CNS para que não tenham medo da discussão. "Não pense que ela é uma mobilização nacional contra. Contra o que? Contra a evidência, a verdade, os números, contra o que está colocado na mesa?", questionou.

Fonte: Dourados Agora

 

2610 : Visualizações
Redação

Salvar

 

Template Settings

Theme Colors

Blue Red Green Oranges Pink

Layout

Wide Boxed Framed Rounded
Patterns for Layour: Boxed, Framed, Rounded
Top