Geral (475)

Informações da Polícia Militar apontam que o homem teria sido morto na frente da casa da mulher dele

Rodrigo Marques de Oliveira, conhecido como Baiano, um ex-jogador de futebol, foi assassinado a tiros nesse domingo (18), em Barra do Garças, a 513 km de Cuiabá. Informações da Polícia Militar apontam que a vítima teria sido morta na frente da casa da mulher dele. A Polícia Civil investiga o crime.

 

Ainda segundo a PM, o suspeito, que ainda não foi encontrado, estava preso e teria saído recentemente da cadeia. Conforme o G1, o motivo do homicídio seria passional. Rodrigo tinha passagens na polícia por tráfico de drogas.

Carreira

Rodrigo atuou como zagueiro e chegou a ser vice-campeão mato-grossense em 2011, pelo Barra do Garças Futebol Clube. No começo deste ano ele jogou novamente pelo time.

Fonte: Noticias ao minuto

A curta carreira de Zé Ricardo já permite se ter uma noção de como suas equipes jogam ou pelo menos ele gostaria que jogassem. Não é uma retranca ou um estilo de ataque suicida que as caracterizam. É o time equilibrado, que prioriza as linhas mais baixas, mas ataca com inteligência. Foi assim que o Botafogo definitivamente deixou o medo do rebaixamento para trás ontem, ao vencer o Internacional por 1 a 0, no Nilton Santos, pelo Campeonato Brasileiro, com gol de Erik. Foi assim que o torcedor alvinegro passou a sonhar com Libertadores.

- Não tem jogo fácil, Campeonato Brasileiro é assim - afirmou o zagueiro Igor Rabello: - Agora é pensar no Santos, buscar a vitória e tentar chegar na pré-Libertadores.

 

Afinal, a distância para o Atlético-MG, sexto colocado, foi para seis pontos, com mais três rodadas a serem disputadas. São nove pontos ainda à disposição e a possibilidade de o Cruzeiro chegar à sexta colocação, transformando G-6 em G-7.

Ainda haverá um confronto direto contra o Galo, a última partida de 2018, no Independência. Se tudo der certo, poderá ser o duelo decisivo para o Alvinegro conquistar uma vaga na Libertadores das mais improváveis dos últimos tempos.

Tamanha reviravolta nas expectativas só foi possível depois que Zé Ricardo conseguiu ver seu estilo de jogo implementado no Botafogo. Com uma defesa mais sólida, reforçada por um goleiro da qualidade de Gatito Fernandéz e a transição do meio para o ataque funcionando melhor, as vitórias se multiplicaram. Contra o Internacional, foi a quarta seguida. O placar magro só aconteceu porque, no segundo tempo, os jogadores de frente perderam gols por atacado.

Ainda bem que Erik aproveitou a chance que teve. E com muita categoria. Aos 41 minutos do primeiro tempo, ele recebeu cruzamento, matou a bola no peito e bateu com o pé direito, sem chances para o goleiro Marcelo Lomba.

Fonte: Extra.globo

Em MS, apostas podem ser feitas até as 18h

O concurso 2098 da Mega Sena vai sortear neste sábado (17), R$ 37 milhões no prêmio principal.

Para concorrer, o apostador precisa ser maior de 18 anos. A aposta mínima custa R$ 3,50, e é possível concorrer com até 15 dezenas. A aposta de 15 números custa R$ 17.517,50. Os jogos podem ser feitos também pela internet, no site.

O concurso 2098 Mega-Sena será realizado das 17 às 20h (horário de Brasília). Em MS, as apostas podem ser feitas até as 18h (horário local).

Fonte: Midiamax

Carroceiro também levou choque, mas não precisou ser hospitalizado

 

Depois de um carro ser engolido por uma cratera na entrada de Vicente Pires-DF, outro episódio, por pouco, não termina em tragédia. Um cavalo morreu eletrocutado ao passar por uma rua em obras da cidade por volta das 10h desta quarta-feira (14).

Segundo o Corpo de Bombeiros, o carroceiro passava pelo local, levou um “pequeno choque”, mas não precisou de atendimento médico. Já o animal não resistiu à descarga elétrica. A corporação informou que o solo “estava energizado”.

O administrador regional de Vicente Pires, Charles Guerreiro, afirmou que o cavalo foi eletrocutado ao entrar em contato com fiação do poste que fica nas proximidades da chácara 218, da Rua 8. “Ele estava passando pela rua molhada, com lama provocada pelas escavações de galerias pluviais que estamos fazendo, quando levou um choque”, ressaltou.

Charles explica que o fornecimento feito pela Companhia Energética de Brasília (CEB) foi interrompido na região, mas parte da distribuição já foi religada. “Neste momento, apenas a chácara [218] está sem luz”, ressaltou. Ainda de acordo com Charles, o carroceiro, proprietário do animal, não sofreu ferimentos.

Já a Companhia Energética de Brasília (CEB) informou que o acidente aconteceu por causa da escavação de alguma obra que está sendo feita em Vicente Pires, em frente ao condomínio 218. “Com o solo molhado, ocorreu uma fuga de energia por conta de uma emenda existente no cabo e o animal, ao passar pelo local, sofreu uma eletrocussão pelo que chamamos de tensão de passo”, destacou, em nota, a estatal.

Às 10h, a empresa foi acionada pelos bombeiros e fez o desligamento de 2.181 unidades consumidoras para atendimento emergencial. Mas por volta das 10h45, apenas os condomínios 195 e 218 permaneciam sem energia. A CEB diz que o cabo com problema será removido da rede.

“O cabo que ocasionou o acidente é um ramal subterrâneo de baixa tensão que atende ao Condomínio 218. A troca desse cabo é de responsabilidade do cliente, e todo o condomínio ficará sem fornecimento de energia até que o cliente realize a obra necessária para sua religação”, assinalou a CEB.

Fonte: Topmidianews

Ex-deputado tem outras ordens de prisão

O deputado cassado Eduardo Cunha teve habeas corpus concedido pelos ministros da terceira turma do Tribunal Regional Federal da 1ª Região (TRF-1). No processo, ele era acusado de obstrução de justiça por vender o próprio silêncio ao empresário Joesley Batista, um dos donos da JBS.

O inquérito faz parte da Operação Patmos, conduzida pela Polícia Federal e pela Procuradoria Geral da República (PGR), com autorização do Supremo Tribunal Federal (STF), em 2017. Seus principais alvos incluem o presidente da República Michel Temer e o senador Aécio Neves.

Cunha está preso desde outubro de 2016. Em maio do ano passado, no entanto, foi alvo de novo mandado de prisão preventiva, após delação premiada dos executivos da JBS. À época, Temer foi flagrado em gravação dando aval para que Joesley comprasse o silêncio de Cunha e o impedisse de falar o que sabia.

Para revogar a prisão, o relator do habeas corpus, desembargador federal Ney Bello, alegou “excesso de prazo”, já que o ex-deputado está preso há mais de 500 dias, nesse caso específico, sem que tenha sido denunciado pelo crime de obstrução de justiça. O argumento, conforme destaca O Globo, foi seguido pelos demais desembargadores da turma.

Cunha, no entanto, segue ocupando uma das celas do Complexo Médico-Penal (CMP), na Região Metropolitana de Curitiba (PR), pois é alvo de outros dois decretos de prisão. Em março deste ano, foi condenado a 15 anos e quatro meses de reclusão por corrupção. Segundo sentença do juiz Sérgio Moro, o deputado cassado recebeu cerca de US$ 1,5 milhão em propina, a partir de um contrato da Petrobras para a exploração de petróleo no Benin, na África.

Fonte: Noticias ao minuto

 

Na quina, 185 apostadores bateram na trave e levarão para casa R$ 14.941,13 cada

Nenhum apostador ou apostadora acertou os seis números da sorte na noite deste sábado (10) e a Mega-Sena acumulou. O próximo sorteio será realizado na véspera do feriado, quarta-feira (14) e pode pagar até R$ 33 milhões.

O sorteio desta noite foi realizado no caminhão da sorte, que estava estacionado em Manhumirim (MG). As dezenas sorteadas foram: 06, 11, 13, 19, 24 e 31.

Quem ficou a um número de se tornar o mais novo milionário do pais foram 185 apostadores. Cada um acertou cinco números e levarão para casa R$ 14.941,13. Já na quadra 10.842 apostadores embolsarão R$ 364,20.

Os sorteios da Mega-Sena são realizados duas vezes por semana, às quartas e aos sábados. A aposta mínima, de 6 números, custa R$ 3,50.

Fonte: Campo Grande News

Foi feito pedido de explicações ao juiz

O corregedor nacional de Justiça, Humberto Martins, instaurou nesta sexta-feira (9) um pedido de providências para que o juiz federal Sergio Moro esclareça questionamentos feitos ao Conselho Nacional de Justiça (CNJ) sobre sua suposta atividade político-partidária enquanto ainda exercia a magistratura.

As representações foram feitas depois que Moro aceitou o convite para o cargo de ministro da Justiça do presidente eleito Jair Bolsonaro. O juiz pediu férias e, antes de se exonerar da magistratura, passou a se reunir com a equipe de transição do governo. Antes, ele se reuniu com Bolsonaro no Rio de Janeiro.

Martins deu 15 dias para que Moro preste informações, “visando a possibilitar uma melhor compreensão dos fatos”. Pela Lei Orgânica da Magistratura, magistrados não podem exercer atividade político-partidária. Ao todo, foram feitos três questionamentos à conduta de Moro, um por um cidadão, outro pela Associação Brasileira de Juristas pela Democracia e um terceiro pelo PT.

Habeas corpus de Lula
Em outra frente, o corregedor nacional de Justiça marcou para 6 de dezembro a oitiva de Moro e dos desembargadores do Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF4) Rogério Favreto, João Pedro Gebran Neto e Thompson Flores Lenz.

Os quatro participaram de uma guerra de liminares, em julho, quando Favreto, de plantão, concedeu um habeas corpus ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, preso desde 7 de abril na Superintendência da Polícia Federal em Curitiba. Decisões contrárias de Moro, Gebran e Flores mantiveram Lula na cadeia.

Martins ouvirá pessoalmente e em separado cada um dos magistrados envolvidos no episódio e que respondem a uma representação disciplinar. Embora o processo corra em segredo de Justiça, a marcação das oitivas foi divulgada pelo CNJ.

Fonte: Agencia Brasil

O empresário Joesley Batista, dono da JBS, foi preso na manhã desta sexta-feira, 09, pela Polícia Federal, suspeito de participar de esquema de arrecadação de propina no Ministério da Agricultura. O vice-governador de Minas Gerais, Antonio Andrade (MDB), também foi detido. O executivo Ricardo Saud teve mandado de prisão decretado, mas está fora do Brasil. As informações são do G1.

A Polícia Federal cumpre nesta sexta-feira (9) mandados de busca e apreensão contra o vice-governador de Minas, e três executivos da JBS em mais um desdobramento da Operação Lava Jato, denominada Operação Capitu. As investigações apuram um complexo esquema de corrupção e pagamento de propina quando Andrade era ministro da Agricultura no governo da presidente Dilma Rousseff.

Informações preliminares indicam que os policiais federais deflagraram os mandados em Belo Horizonte, São Paulo, Rio de Janeiro, Paraíba e Mato Grosso. No total, são 62 mandados de busca e apreensão, dos quais 26 apenas na capital mineira.

A operação é baseada na delação de Lúcio Funaro, apontado como operador do MDB. Segundo as investigações, havia um esquema de arrecadação de propina dentro do Ministério da Agricultura para beneficiar políticos do MDB, que recebiam dinheiro da JBS, dos irmãos Joesley e Wesley Batista, em troca de medidas para beneficiar as empresas do grupo.

Em 2017, durante delação premiada à Procuradoria-Geral da República, o empresário Joesley Batista revelou que atuou com o ex-deputado Eduardo Cunha (MDB-RJ) e Lúcio Funaro em esquema de corrupção no Ministério da Agricultura para favorecer as empresas.

Fonte: MSN

A deputada será a primeira ministra da equipe de Jair Bolsonaro

A deputada federal Tereza Cristina (DEM-MS) de 64 anos, será a primeira mulher ministra do governo Jair Bolsonaro. O próprio presidente eleito confirmou em sua rede social a indicação da deputada para o Ministério da Agricultura. A confirmação já havia sido feita também pelo deputado federal Alceu Moreira (MDB-RS). Segundo ele, a pasta não será fundida com o Ministério do Meio Ambiente, cujo titular será escolhido pelo presidente eleito e "homologado" pela bancada ruralista. De acordo com Moreira, o ministro do Meio Ambiente terá "um perfil diferenciado".

Durante encontro com Jair Bolsonaro, a bancada ruralista indicou Tereza Cristina para ser a ministra da Agricultura. A indicação foi feita por um grupo de 20 integrantes da Frente Parlamentar Agropecuária (FPA), em reunião no Centro Cultural do Banco do Brasil (CCBB), em Brasília, onde funciona o gabinete de transição de governo. A bancada ruralista no Congresso Nacional reúne aproximadamente 260 parlamentares.

Engenheira agrônoma e empresária, Tereza Cristina é presidente da FPA e tem uma longa trajetória no setor. Ela foi secretária de Desenvolvimento Agrário da Produção, da Indústria, do Comércio e do Turismo de Mato Grosso do Sul durante o governo de André Puccinelli (MDB).

Neste ano, Tereza Cristina foi uma das lideranças que defenderam a aprovação do Projeto de Lei 6.299, que flexibiliza as regras para fiscalização e aplicação de agrotóxicos no país.

Durante a campanha e depois de eleito, Bolsonaro fez várias defesas do agronegócio e dos investimentos no campo. Ele chegou a anunciar a fusão dos ministérios da Agricultura e do Meio Ambiente, mas depois afirmou que a questão ainda não está definida.

Na terça-feira (6) o presidente eleito disse que as negociações para a escolha do nome para o Ministério da Agricultura era uma dos mais avançadas e que poderia ser divulgada ainda nesta semana.

Jair Bolsonaro já confirmou os nomes de Paulo Guedes, para Economia; Sergio Moro, para Justiça; Onyx Lorenzoni, para Casa Civil; Marcos Pontes, para Ciência e Tecnologia; e o general Augusto Heleno, para o Gabinete de Segurança Institucional.

Fonte: Agencia Brasil

Pagina 1 de 34

Salvar

Template Settings

Theme Colors

Blue Red Green Oranges Pink

Layout

Wide Boxed Framed Rounded
Patterns for Layour: Boxed, Framed, Rounded
Top