Redação

Uma equipe da PMA (Polícia Militar Ambiental) de Dourados realizava fiscalização no perímetro urbano da cidade e abordou na tarde de sábado (18), um caminhão, com placas de Três Pontas (MG), com carga de madeira sendo transportada ilegalmente.

A PMA verificou que o caminhão abordado transportava 7 m³ de madeira em toras das espécies angico e ipê, sem o DOF (Documento de Origem Florestal) para a carga. O DOF é o documento ambiental para o transporte e armazenamento de qualquer produto florestal. A carga de madeira e o veículo foram apreendidos.

O infrator, de 39 anos, residente em Itaporã, foi encaminhado à Delegacia de Polícia Civil de Dourados, juntamente com o material apreendido, e responderá por crime ambiental. Se condenado, poderá receber pena de seis meses a um ano de detenção. Ele também foi autuado administrativamente e multado em R$ 2,1 mil pela PMA.

Fonte: Jornal da Nova

Copete fez o único gol do jogo e deu o triunfo ao Peixe após três derrotas seguidas

Após três derrotas seguidas, o Santos, mesmo sem fazer um grande jogo, reencontrou o caminho das vitórias ao derrotar os reservas do Grêmio por 1 a 0 neste domingo, no estádio da Vila Belmiro, em Goiânia, pela 36.ª rodada do Campeonato Brasileiro. Com o resultado, o time santista se garante na fase preliminar da Copa Libertadores e fica a um ponto de entrar direto na fase de grupos.

Ao reencontrar a vitória, o time santista continua na quarta colocação, mas vai aos 59 pontos e encosta no Palmeiras, que ainda entra em campo nesta segunda-feira contra o Avaí. Focado na final da Libertadores, o Grêmio permanece na vice-liderança, com 61 pontos. O time gaúcho enfrenta o Lanús nesta quarta-feira em Porto Alegre, no primeiro jogo da grande decisão.

O único gol da partida saiu dos pés do colombiano Copete no primeiro tempo. O colombiano não balançava as redes desde o dia 26 de julho, na vitória do Santos sobre o Flamengo, pelas quartas de final da Copa do Brasil.

Apesar de jogar fora de casa e ser formado inteiramente por reservas - até mesmo o técnico Renato Gaúcho não esteve à beira do campo, sendo substituído por Cesar Bueno, treinador do time de transição -, o Grêmio foi quem começou melhor e teve, ao menos, três boas oportunidades de abrir o placar na Vila Belmiro. Uma foi salva pelos pés do goleiro Vanderlei; outra, em cobrança de falta de Machado, passou próxima ao gol; e a última, no chute colocado de Dionathã, bateu na trave esquerda de Vanderlei.

Após ser pressionado, o Santos deu o troco com a sua melhor arma: o contra-ataque. O time alvinegro desceu rápido ao ataque com Bruno Henrique, que tocou para Vecchio. O argentino, substituto de Lucas Lima, encontrou Copete, que, com tranquilidade, deslocou o goleiro Paulo Victor para abrir o placar aos 31 minutos da etapa inicial.

O gol fez bem ao time da Baixada Santista, que teve nas cabeças de Ricardo Oliveira e de Bruno Henrique, logo na sequência, chances para ampliar a vantagem, mas ambas foram desperdiçadas. No final do primeiro tempo, Paulo Victor ainda evitou mais um gol santista em outra cabeçada do centroavante do Santos.

Na etapa final, o panorama da partida não foi muito diferente em relação à etapa inicial. O jogo continuou equilibrado, mas com menos chances para os dois lados. Com os ataques pouco inspirados, especialmente o do Grêmio, o placar permaneceu em 1 a 0 para a equipe santista, que praticamente carimba a sua vaga na fase de grupos da Libertadores do próximo ano.

Só 4.206 torcedores estiveram presentes na Vila Belmiro para assistir à partida. Foi o pior publico registrado pelo Santos no Brasileirão. Na temporada de 2017, o jogo com menos torcida foi diante do Novorizontino, no Campeonato Paulista (3.195 pagantes).

Fonte: Band

Cúpula do partido decidiu adiar convenção, após notar sofrimento da família

O ex-governador André Puccinelli estava determinado a assumir no sábado (18) a presidência regional do PMDB. Ele era contra o adiamento da convenção regional do partido. Mas deixou nas mãos da direção partidária a decisão final. Os deputados estaduais, federais, senadores e aliados notaram o “estado de choque” da família com a prisão do ex-governador e do filho, advogado André Puccinelli Junior.

Por isso, a cúpula decidiu adiar a convenção para o dia 2 de dezembro, em respeito à família do ex-governador.

“Se dependesse da vontade do André, a convenção não seria adiada”, afirmou o deputado federal Carlos Marun. “André já queria ir no sábado para assumir a presidência do partido”, enfatizou.

Mas, na conversa no apartamento do ex-governador, os parlamentares sentiram o clima de dor da família. “Até que o André estava mais tranquilo, mas a família, não”, afirmou Marun. “O sofrimento é muito grande”, observou.

Fonte: Correio do Estado

As vítimas foram surpreendidas por temporal e forte ventania, enquanto pescavam no Lago

Policiais Militares Ambientais de Bataguassu foram informados por usuários da BR-267, na tarde de sábado (18), de que dois barcos haviam virado e estariam afundando nas proximidades do aterro da ponte da rodovia no lago da Usina Sérgio Motta, e que havia pessoas na água. Rapidamente os policiais seguiram para o local, onde confirmaram a informação.

Sete pessoas tinham caído na água. As vítimas foram surpreendidas por temporal e forte ventania, enquanto pescavam no Lago. As ondas formadas pelo vento eram extremamente fortes e as embarcações em que estavam tombaram e afundaram. Apesar de estarem de coletes salva-vidas, como as ondas eram muito fortes, os riscos de afogamento eram iminentes.

Quando a PMA chegou ao local, cinco pessoas estavam agarradas à defensa da ponte e do aterro e duas ainda estavam dentro da água e foram socorridas pelos policiais.

Cinco turistas residentes em Ponhais (PR) e os dois piloteiros das embarcações, residentes em Bataguassu, foram resgatados e levados para a pousada onde estavam hospedados no distrito de Nova Porto XV, em Bataguassu.

Segundo a PMA, a região do lago da Usina Sérgio Motta é muito perigosa, principalmente para pequenas embarcações, pois como a área de água é muito extensa, sem barreiras, ventos fortes levantam ondas muito altas e fortes e até embarcações maiores do que esses barcos comuns de pesca tombam e afundam.

Em abril de 2014, a PMA de Bataguassu resgatou cinco pescadores paulistas, entre eles, um adolescente de 12 anos, que estavam desaparecidos depois que suas embarcações tombaram devido as ondas formadas por forte vendaval. Com PMA

Fonte: Jornal da Nova

Um argentino que estava de férias na Índia morreu chifrado por um touro na turística cidade de Jaipur, informou a polícia neste domingo.

O homem de 29 anos, estava caminhando por uma rua perto do mercado principal de Jaipur no sábado quando foi atacado pelo touro.

“O chifre atingiu o pescoço e o estômago. Foi levado para o hospital, mas não sobreviveu”, explicou à AFP um oficial da polícia local.

A embaixada argentina já foi informada do acidente, informou a agência The Press Trust of India.

Jaipur, capital do Estado do Rajastan, é conhecida como a “cidade rosa” pela cor de seus antigos prédios e muros. É um dos principais locais turísticos da Índia e um dos favoritos dos estrangeiros.

É habitual ver no país gado extraviado. Os animais são sagrados para os hindus e podem circular livremente pelas ruas e estradas.

Fonte: Terra

Pagina 1 de 422

Salvar

Template Settings

Theme Colors

Blue Red Green Oranges Pink

Layout

Wide Boxed Framed Rounded
Patterns for Layour: Boxed, Framed, Rounded
Top