Ele já havia sido preso por manter pornografia infantil, mas estava em liberdade

Homem de 62 anos foi preso preventivamente, nesta terça-feira (11), por estuprar uma menina de 9 anos, em Dourados. O suspeito já havia sido preso há alguns meses atrás por manter material pornográfico infantil no celular, mas conseguiu a liberdade.

De acordo com o site Dourados News, os abusos aconteciam há três anos. O caso foi registrado na Delegacia de Atendimento à Mulher (DAM) e, em depoimento, o homem disse que a criança é que procurava ele. “Ela fazia porque gostava”, afirmou.

O homem foi indiciado por estupro de vulnerável. Em julho deste ano uma denúncia de abuso contra o autor foi registrada e desde então os agentes vinham investigando ele.

Depois da conclusão do inquérito do caso, em que encontraram material pornográfico ilegal no celular, ontem, o autor foi detido pelos abusos e está na Penitenciária Estadual de Dourados (PED).

Fonte: Correio do Estado

O Hyundai/HB20 de cor preta e placas falsas de Jundiaí (SP), estava carregado com 188 quilos de maconha

Policiais do DOF (Departamento de Operações de Fronteira) recuperaram, na manhã desta terça-feira (11), por volta das 7h, um veículo Hyundai/HB20 de cor preta e placas falsas de Jundiaí (SP), carregado com 188 quilos de maconha, na região de Ponta Porã.

O condutor do veículo não obedeceu a ordem de parada dos policiais e evadiu-se. A equipe iniciou um acompanhamento tático por aproximadamente 10 quilômetros e conseguiu abordá-lo em uma estrada vicinal.

Durante a inspeção veicular, os policiais constataram os volumes prensados da droga, bem como um registro de roubo do veículo, ocorrido no dia 11 de janeiro de 2018, na cidade de Sumaré (SP). O condutor disse que foi contratado para transportar o entorpecente de Ponta Porã até a cidade de Dourados.

A ocorrência foi registrada e entregue na 2ª Delegacia de Polícia Civil de Ponta Porã para os procedimentos legais.

Fonte: Jornal da Nova

Vítima foi até a casa do homem e foi obrigada a manter relação sexual com ele, sendo ameaçada e agredida fisicamente

Um mecânico de 43 anos foi detido nesta terça-feira (11) acusado de estuprar a vizinha de 50 anos de idade. O caso aconteceu no município de Japorã. De acordo com as informações da polícia, o acusado é morador de um assentamento rural.

A mulher relatou à polícia que estava em uma confraternização em um sítio neste domingo, quando o acusado se aproximou da vítima e disse que teria uma motocicleta para vender.

A vítima relatou que foi até a casa do homem para ver a suposta moto e quando chegaram ela foi obrigada a manter relação sexual com ele, sendo ameaçada e agredida fisicamente.

Ela conseguiu fugir e em seguida o homem mandou que um cachorro atacasse a mulher. O animal não teria obedecido.

O acusado negou o crime. Ele disse que as escoriações na vítima, foram provocadas por uma cadela de sua propriedade, que não teria atacado a mulher e sim, pulado nela para brincar. Os dois envolvidos foram encaminhados a Delegacia de Polícia.

Fonte: Midiamax

Salvar

Template Settings

Theme Colors

Blue Red Green Oranges Pink

Layout

Wide Boxed Framed Rounded
Patterns for Layour: Boxed, Framed, Rounded
Top